Festival Sons do Outono traz música a Almada ao entardecer

Vários locais emblemáticos do concelho de Almada recebem concertos durante os sábados do mês de Outubro. A entrada é gratuita.

 

O Convento dos Capuchos (na foto) vai receber no próximo sábado, dia 2 de Outubro, o concerto de piano de Raul da Costa a partir das 19h. Trata-se de um evento incluído no programa do festival Sons do Outono que, uma vez mais, traz a vários locais do concelho de Almada concertos gratuitos ao entardecer.

No dia 9 de Outubro é a vez da apresentação de António Carrilho (flautas) e Bruno Gaspar (artista plástico) no Solar dos Zagallos, na Sobreda, pelas 19h.

O acordeão de Inês Vaz vai encher a Ermida de São Sebastião, em Almada, no dia 16 de Outubro, enquanto que o Trio Fibonacci (constituído por Isabel Cravino, Joana Bagulho e Duncan Fox) vai animar o Casino da Trafaria a 23 de Outubro.

O último concerto do ciclo Sons do Outono terá lugar no dia 30 de Outubro na Igreja de Nossa Senhora de Fátima, no Laranjeiro. Trata-se do projeto musical Camerata Atlântica, idealizado pela violinista venezuelana Ana Beatriz Manzanilla, tendo por base 10 instrumentos, que se apresenta às 21h.

O Sons do Outono é uma iniciativa da Agência Municipal para o desenvolvimento Nova Almada Velha, em parceria com a Câmara Municipal de Almada e a Cantabilefest, Associação Cultural.

Este ano, o evento finaliza um ciclo de celebração em torno dos 500 anos da primeira viagem de circum-navegação de Fernão de Magalhães, que teve início em 2019. “Nesse ano, o programa tinha como tema a “Vontade” (de alcançar novos caminhos por Fernão de Magalhães). Continuou em 2020, inspirado pelo “Conhecimento” (que tornou esse feito possível). Fecha-se agora sob o mote “Destino”, imbuído pelas músicas de todas as terras de viagem e de torna-viagem”, destaca a organização.

Os bilhetes para cada concerto podem ser levantados uma hora antes de cada concerto, nos locais dos respetivos concertos. A entrada é livre. Para mais informações pode consultar a página do evento.

 

Quinzena de Dança de Almada: “Não existe outro festival com este formato em Portugal”

One thought on “Festival Sons do Outono traz música a Almada ao entardecer

  • Outubro 11, 2021 at 4:37 pm
    Permalink

    Finalmente há uma explicação! O dinheiro dos SMAS vai para concertos e depois não há para a renovação da rede de água. Aqui na Charneca, na Elias Garcia, este ano de 2022 já são 13/14 vezes que faltou a água! Só em Agosto foram 3 ou 4 vezes! E não foi devido às obras! Continuem a comemorar, não renovem a rede de água e depois venham dizer que fazem um belo trabalho que a gente acredita! Deve ser como o alargamento dos passeios que, está mais que visto, deve ser para pintar ciclovias que potenciará o risco de quando um freguês sair de casa ser atropelado por um ciclista (mas entretanto não se diz nada às pessoas idosas e já com alguma mobilidade reduzida, para não as assustar)!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *