Covid-19. Almada interdita acesso ao paredão da Costa de Caparica

Autarquia também interdita a frente ribeirinha do Ginjal e proíbe a permanência nos parques do concelho, incluindo o Parque da Paz.

 

A Câmara Municipal de Almada decidiu interditar o acesso ao paredão e praias da frente urbana da Costa de Caparica entre a Praia do Norte e a Praia Nova, com o objetivo de reduzir o “risco de exposição e eventual contágio” por covid-19. O anúncio foi feito esta quinta-feira pela autarquia, que adotou um conjunto de medidas de caráter excecional motivadas pela evolução da pandemia.

Além do acesso às praias, o município decidiu ainda proibir a permanência nos parques, jardins, espaços verdes e outros espaços de lazer do concelho, com destaque para o Parque da Paz e o Parque Urbano da Costa de Caparica. De igual forma, também a circulação na frente ribeirinha do Ginjal, desde o terminal fluvial de Cacilhas até ao elevador panorâmico Boca do Vento será interdita.

Tal como aconteceu durante o período de confinamento que decorreu entre março e abril do ano passado, a Câmara de Almada anunciou ainda que vai proceder à vedação dos bancos de jardim, parques infantis e equipamentos públicos destinados à prática desportiva. O processo será feito em articulação com as juntas de freguesia, Proteção Civil e outros serviços municipais.

Também os parques e lugares de estacionamento automóvel das praias urbanas da Costa de Caparica, do Parque Urbano da Costa e do Parque da Paz passam a estar interditos.

 

Covid-19. Almada sobe para nível de risco “extremamente elevado”

BannerAzul_300x600

2 Comentários

  • Janeiro 21, 2021 at 1:28 pm
    Permalink

    Sim é muito melhor as pessoas andarem no passeio junto à marginal ou no meio da estrada como aconteceu o ano passado….
    Politicos Tugas sempre no seu melhor….

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *