Sexta-feira, Março 1, 2024
CidadeDestaqueOutros Destaques

Nove praias da Costa da Caparica com Bandeira Azul em 2022 (mais duas do que no ano passado)

Lista das praias galardoadas foi anunciada esta quinta-feira pela Associação Bandeira Azul da Europa.

 

Nove praias na Costa da Caparica foram premiadas com a distinção de Bandeira Azul para 2022. O anúncio foi feito pela Associação Bandeira Azul da Europa esta quinta-feira, dia 28 de abril, no Centro de Interpretação Ambiental da Pedra do Sal, em Cascais. 

As nove praias são:

  • Praia do CDS
  • Tarquínio – Paraíso
  • Praia Nova
  • Mata
  • Rainha
  • Sereia
  • São João da Caparica
  • Dragão Vermelho
  • Santo António 

Este resultado é uma melhoria em relação ao ano passado, em que apenas sete praias do concelho de Almada constavam na lista. Este ano a organização separou as praias do CDS e Santo António (antes referidas apenas como uma praia) e entre a praia do  Tarquínio e do Dragão Vermelho (também apenas uma praia no ano anterior), atribuindo uma distinção a cada praia, individualmente.

Com esta distinção, o concelho de Almada é novamente reconhecido como uma das melhores zonas balneares da Área Metropolitana de Lisboa. 

Entre os critérios de avaliação para a atribuição da bandeira azul às praias estão a presença de nadadores salvadores, a qualidade dos acessos, a qualidade da água (exemplar durante cinco anos) e a obrigatoriedade dos concessionários apostarem em projetos responsáveis socialmente (em áreas sociais e energéticas).

De acordo com os SMAS Almada, também a recente “instalação de chuveiros nas praias da Caparica e as constantes campanhas de combate às alterações climáticas”, realizada no âmbito da Gestão Integral do Ciclo Urbano da Água, desempenha um importante papel na qualidade da água das praias da Costa da Caparica, agora uma vez mais reconhecida.

No conjunto do país o número de praias premiadas com Bandeira Azul cresceu, com mais 32 zonas a serem reconhecidas. Trata-se de um número quase 15 vezes superior face ao resultado de há 25 anos.

Em 2022 o Programa Bandeira Azul assinala 35 anos desde a sua criação, e, como tal, apresenta uma estratégia que apela à consciência coletiva dos portugueses. O plano “Recuperação de Ecossistemas” pretende atacar as maiores ameaças ambientais: poluição ambiental, alterações climáticas e a perda de biodiversidade. 

 

Aprovada moção pela criação de uma rede de bicicletas partilhadas em Almada

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *