Banco Santander encerra balcão na Costa de Caparica

Sucursal da Costa de Caparica é uma das 30 que a entidade bancária pretende encerrar em todo o país durante o primeiro trimestre deste ano. 

 

O banco Santander vai encerrar o balcão situado na rua Horário da Silva Louro, no centro da Costa de Caparica a partir do próximo dia 5 de março. A informação foi confirmada ao ALMADENSe por fonte da entidade bancária, que está a encaminhar os clientes para os balcões localizados na Cova da Piedade, Charneca de Caparica ou Almada Mercado.

A sucursal da Costa de Caparica é uma das 30 que o banco Santander prevê encerrar em todo o país até ao final do mês de março e junta-se às 60 que a entidade bancária fechou durante o ano de 2020 em Portugal. De acordo com a agência Lusa, nos planos do banco está uma adaptação do modelo de negócio, que leva o Santander a concentrar os “esforços e investimento em acompanhar a era da digitalização”.

O novo modelo prevê, assim, uma “redução progressiva de balcões”, bem como a “redefinição funcional de outros e a automação funcional crescente de processos e funções ao nível dos serviços centrais”.

O encerramento do balcão da Costa de Caparica é o terceiro que ocorre no concelho de Almada no espaço de poucos meses. Recentemente, fecharam também os balcões do banco Montepio em Almada Velha e da Caixa Geral de Depósitos no Monte de Caparica.

 

Costa de Caparica: “Um Verão para esquecer”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *