Sexta-feira, Julho 19, 2024
DestaqueMobilidade

Trabalhadores da TST voltam à greve a 5 de junho

Carris Metropolitana alerta para novos contrangimentos devido à paralisação dos trabalhadores.

 

Os trabalhadores da Transportes Sul do Tejo (TST), que assegura o transporte da Carris Metropolitana na Área 3 (Almada, Seixal e Sesimbra), voltam à greve esta quarta-feira, dia 5 de junho.

“Como resultado, é possível que ocorram constrangimentos nos serviços operados pela Carris Metropolitana, na Área 3”, informa a operadora no seu site oficial.

Publicidade
FCT-gif-2

Em causa estão reivindicações de aumento dos salários e melhores condições, exigências que já levaram a paralisações nos passados dias 9 e 28 de maio. Nesta última jornada de greve, a adesão foi superior a 85%, informou a CGTP numa nota publicada no seu site.

“Foi uma jornada de luta com uma grande unidade e determinação dos trabalhadores que reivindicam a melhoria dos seus salários e a valorização das suas profissões e que deve constituir um forte sinal para a administração da empresa, que tem por optar entre a manutenção deste conflito, ou trabalhar para a sua resolução”, referiu ainda a estrutura sindical.

Em concreto, os trabalhadores reivindicam 80 euros de aumento e 9,60 euros de subsídio de refeição. Entretanto, está já agendada uma nova paralisação para o próximo dia 25 de junho.

 

Almada aprova requalificação dos acessos entre as praias do Rei e Bela Vista

Publicidade
we-find

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *