Presidente da Câmara de Setúbal admite candidatar-se a Almada

Maria das Dores Meira (CDU) admite candidar-se ao município de Almada nas eleições autárquicas marcadas para 2021.

 

“Almada é um desafio. Ainda não está na hora de tomar essa decisão em definitivo, mas tenho sentido muita solicitação, muita pressão, de muitos almadenses”, afirmou Maria das Dores Meira, presidente da Câmara de Setúbal, quando questionada pela agência Lusa sobre a hipótese.

Atualmente a cumprir o terceiro e último mandato em Setúbal, a autarca está impedida de se recandidatar ao cargo, uma vez que a atual legislação impossibilita a realização de um quarto mandato consecutivo na mesma autarquia. Contudo, a dirigente do Partido Comunista poderá candidatar-se ao município de Almada, atualmente liderado por Inês de Medeiros (PS).

“O trabalho autárquico é um trabalho que me seduz muito, que me alicia muito. Ver transformar, no dia-a-dia, o espaço público, o espaço de cultura, de desporto, aquilo que dá prazer às outras pessoas, para mim é muito empolgante, muito motivante”, afirmou Dores Meira à agência Lusa.

Liderada pelos comunistas desde 1976, a autarquia de Almada passou em 2017 para as mãos do Partido Socialista, que venceu as eleições autárquicas, embora sem maioria absoluta. Na altura, para garantir a governação, o PS, que elegeu quatro vereadores, estabeleceu um acordo com o PSD (dois vereadores), com os comunistas (quatro vereadores) a passarem pela primeira vez para a oposição, juntamente com o o Bloco de Esquerda (um vereador).

 

TST reforça serviço a partir de 15 de Junho

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *