Conhecidas as 34 novas linhas da rede de autocarros em Almada

A Charneca de Caparica será a freguesia mais beneficiada com a nova rede de autocarros no concelho de Almada.

 

Com a nova concessão de transporte público rodoviário, que deverá estar a circular em meados de 2022, o concelho de Almada vai passar a contar com um total de 97 carreiras, das quais 34 serão novas.

Com nove linhas adicionais, a Charneca de Caparica será a freguesia mais beneficiada com a nova concessão, que continuará a ser assegurada pela TST, mas passará a circular sob a marca Carris Metropolitana, comum a toda a grande Lisboa.

 

Das 34 novas linhas, 22 farão percursos dentro do município de Almada, enquanto que 12 vão assegurar ligações a concelhos limítrofes como Lisboa, Seixal ou Sesimbra.

De acordo com uma publicação feita pela presidente da Câmara de Almada, Inês de Medeiros, na sua página de Facebook, a nova rede municipal vai incluir as seguintes carreiras novas:

– Fonte da Telha – Monte de Caparica (FCT)

– Interface da Charneca de Caparica – Porto Brandão (Terminal Fluvial)

– Costa de Caparica -Pragal (via HGO)

– Quinta do Texugo – Pragal (Estação)

– Charneca de Caparica – Pragal (Estação)

– Costa da Caparica (Terminal) – Pragal (Estação)

– Torre – Cacilhas (Terminal Fluvial)

– Fonte da Telha (Praia) – Cacilhas (Terminal Fluvial)

– Charneca de Caparica- Cova do Vapor

– Charneca de Caparica- Banática

– Charneca de Caparica- Bairro de Fomento

– Raposeira – Cacilhas (Terminal Fluvial)

– Cacilhas (Terminal Fluvial) – Costa da Caparica

– Costa da Caparica (Terminal) – Laranjeiro ( Antigo Mercado)

– Marisol – Almada Forum

– Urbanização Vale Flores – Pragal (Estação)

– Circuito Charneca de Caparica Norte

– Circuito Charneca de Caparica Sul

– Circuito Lazarim

– Circuito Pêra

– Circuito Tremoceira 1

– Circuito Tremoceira 2

Também a frequência das carreiras irá aumentar, sendo que a distância percorrida pela nova rede rodoviária mais do que duplica a anterior. Além disso, “toda a frota será substituída para veículos mais limpos, ecológicos e confortáveis”, destacou a autarca, para quem a “grande vitória de todos os municípios da área metropolitana é a criação da empresa pública TML, que irá gerir os diferentes contratos”.

 

TST em primeiro lugar no concurso rodoviário para Almada e Seixal

 

6 Comentários

  • Agosto 27, 2021 at 8:15 am
    Permalink

    Acho muito bem. É urgente rever autocarros e até motoristas.
    Alguns deles estão fartos, mal humorados todos os dias, mal criados, deixando pessoas nas paragens.
    É horrível, quando não vão em modo de passeio porque vão na conversa com a pessoa da frente.

    Responder
    • Agosto 27, 2021 at 11:55 am
      Permalink

      Antes da pandemia a TST falhava muitos horários em muitos trajectos ou por falta motoristas ou avarias consecutivas, especialmente Cacilhas/Costa Caparica. Eu ia dar aulas e várias vezes falhavam 2 horários seguidos e eu tive recorrer à Uber.
      Esta empresa estava a necessitar renovar a frota e também dar formação ao motoristas mal formados, rudes, grosseiros e desequilibrados parecendo ter ingerido álcool 🥃

      Responder
    • Agosto 28, 2021 at 8:53 am
      Permalink

      Estou de acordo com as novas linhas das carreiras. o unico reparo que faço pela negativa é na carreira 182 que vem á Romeira só de hora a hora e ás vezes nem vem… há muita gente com consultas marcadas no HGO e tem que vir a pé à Cova da Piedade para poder estar a horas na consulta… tudo isto porque a carreira só vem à Romeira de hora a hora… 0brigado.

      Responder
  • Agosto 27, 2021 at 6:23 pm
    Permalink

    É muito bom, mas vejo com preocupação a carreira 129 Costa -Trafaria, que deixou de funcionar a partir das 21h35 causando grande transtorno para os utentes que saem mais tarde. Quando chegam à Costa não têm transporte para casa se moram na Trafaria e não tenho dinheiro para ir de táxi. Vou a pé e são alguns km depois de um dia de trabalho… Espero que resolvam pois estou cansada de reclamar.

    Responder
  • Agosto 28, 2021 at 10:47 am
    Permalink

    Pode o Almadense por favor informar-nos sobre quais são as novas linhas intermunicipais que não são descritas nesta noticia?
    Obrigado.

    Responder
    • Agosto 28, 2021 at 10:22 pm
      Permalink

      Caro João Carvalho, assim que tiver essa informação, o jornal Almadense irá certamente divulgar. Obrigada

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *