Entrada da Costa de Caparica vai ter uma rotunda

Atual cruzamento à entrada da Costa de Caparica vai dar lugar a uma rotunda. Empreitada representa um investimento municipal de 300 mil euros.

 

A Câmara Municipal de Almada aprovou esta segunda-feira, dia 1 de março, o lançamento de uma empreitada que visa a construção de uma rotunda no final do IC20, à entrada da Costa de Caparica. A intervenção representa um investimento municipal de 300 mil euros e pretende “melhorar significativamente a mobilidade na entrada e saída da Costa de Caparica”, informou a autarquia.

 

rotunda-nova
Projeto da nova rotunda partilhado pela autarquia de Almada.

 

Para além desta obra, está prevista ainda a melhoria dos acessos alternativos às praias a sul da Costa de Caparica, indicou o PSD Almada, sublinhando que as intervenções serão feitas “usando as vias já existentes, para que não haja necessidade de atravessar o centro da cidade e, assim, melhorar a mobilidade e a qualidade de vida da população”.

 

Almada admite usar outro tipo de pavimento nos acessos às praias a sul da Costa de Caparica

6 Comentários

  • Março 2, 2021 at 9:32 pm
    Permalink

    Esse projeto conforme está representado irá piorar o trânsito na entrada da Costa principalmente no verão.
    Estão a eliminar o acesso directo a São João, de quem vem do IC20.
    Estão a eliminar o acesso directo ao para o IC20, de quem vem das praias a sul!
    Quem vier do IC20 em direção às praia a sul irá ocupar as duas faixas de rodagem à esquerda.
    Tudo para possibilitar a viragem à esquerda para o IC20 de quem vem de São João! Mais económico seria a colocação de sinalização vertical (semáforos).
    Será que também irão voltar à moda das rotundas? Irão criar as 21 rotundas até à Fonte da Telha?
    São estes os melhores estudos de tráfego e projectos que se conseguem?
    Faz-se o trabalho, o trânsito continuará o mesmo, gasta-se dinheiro e o povo cala-se!

    Responder
    • Março 26, 2021 at 4:48 pm
      Permalink

      Concordo totalmente. Basta haver bloqueio na entrada da Costa e os resto fica tudo entupido na rotunda. Ou isto é por causa das eleições ou é feito por alguém que de transito não percebe nada. Aliás tem sido assim ao longo dos anos…

      Responder
  • Março 3, 2021 at 6:54 pm
    Permalink

    Isso é que é serviço de última hora! e a ciclovia Almada-Costa-Fonte da Telha? Não dá votos?

    Responder
  • Março 3, 2021 at 7:40 pm
    Permalink

    A meu ver, trata-se de mais um projeto que não faz sentido. Essa rotunda nos fins de semana de Verão nunca poderá ter capacidade de dotar o transito de fluência porque as praias a sul, até á praia do Rei , necessitavam, isso sim, de duas intervenções:
    1ª Eliminação do bairro de barracas ilegalmente construído no meio dos campos agrícolas à entrada da Costa (lado esquerdo do IC 20 que é uma vergonha municipal (Camara) que assiste impávida e serena ao seu diário crescimento. O IC20 deveria ser prolongado para sul, até á praia da Mata e deveriam ser criados acessos à Praia Nova e às outras que se seguem. RECUPEREM O PROJETO JA EXISTENTE PREVISTO PELA POLIS.
    2º A Rotunda não precisa ser feita pois desde que as praias a sul tivessem acesso sem ser necessário atravessar o centro da Costa da Caparica, não era precisa qualquer rotunda.
    Prioritário seria eliminar as barracas e o ambiente miserável que existe no local favorecendo os moradores que mereçam, não todos, porque existe ali muita negociata.

    Responder
    • Março 4, 2021 at 8:08 am
      Permalink

      – Podiam incluir uma ciclovia.

      – Colocar acesso direto (ao lado da rotunda) de quem vem da IC20 para S.João.

      – Colocar acesso direto (ao lado da rotunda) de quem vem da direção da rua dos pescadores para a IC20.

      – Na entrada da Costa ao pé da escola há aquele espaço todo de terra batida, podiam fazer um parque de estacionamento, só costumam fazer quando há o festival, mas durante o verão também dava jeito.

      – Podiam criar uma linha do metro até Almada 🙂 ou pelo menos até ao Monte da Caparica que depois tem mais opções de transportes

      – A Costa está muito limitada (fechada) quem não tem carro só tem opção como transporte público os autocarros (que são péssimos em termos de horário) e no verão estão cheios

      Responder
  • Maio 5, 2021 at 1:04 pm
    Permalink

    Complementarmente a alguns comentários pertinentemente apresentados por outros participantes, e independentemente de concordar (ou não) com a execução da rotunda, penso que a implantação projetada para as passadeiras para peões, numa perspetiva de engenharia de segurança rodoviária, não é a mais favorável, nomeadamente as consideradas nas saídas da rotunda.

    As passadeiras deveriam estar (um pouco) mais afastadas da rotunda (e com desfasamento de percurso de peões), de forma a melhorar a fluência de trânsito no seu interior e, principalmente, aumentar a segurança de atravessamento dos peões.

    A condução no interior das rotundas – neste caso com bastante tráfego, com 3 vias de rodagem e com 4 entradas/saídas com diversas vias de acesso -, exige uma atenção redobrada na condução, situação que é agravada com a colocação as passadeiras imediatamente à entrada/saída, aumentando o risco de atropelamentos. A eventual colocação de semáforos para peões (situação que, na imagem representada, não é possível aferir se está preconizada) aumentaria a segurança mas seria um contrasenso relativamente à intenção de redução do congestionamento automóvel.

    Por sua vez, ditam as boas regras da engenharia e segurança rodoviária não ser recomendável a existência de passadeiras a atravessar uma quantidade significativa de vias de forma consecutiva, sem a existência de separadores/refúgios para peões. O acesso à rotunda a partir do IC20 apresenta 3 vias de entrada. (!) Caso se mantivesse o acesso direto do IC20 para S. António/S. João, prevendo um refúgio intermédio para peões, tal como existe atualmente, seria possível reduzir o número de vias de entrada na rotunda para 2, com a vantagem de se desviar esse fluxo de veículos do interior da rotunda.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *